Quem Somos

FST Lisboa é a equipa de Formula Student do Instituto Superior Técnico, Universidade de Lisboa

Neste momento, somos um grupo de 40 estudantes organizados em 7 departamentos: Gestão & Comunicação, Aerodinâmica, Chassis, Electrónica, Powertrain, Suspensão e Dinâmica de Veículo.

O que fazemos

O nosso objetivo é projetar, construir e testar um carro estilo fórmula para, representando Portugal, disputar as competições Formula Student com outras universidades de engenharia. 

O que ganhamos

Desde 2001, a equipa está em constante revisão de forma a produzir o melhor output possível e atingir os objetivos a que se propõe.

Trabalhamos com prazos apertados para ter o carro pronto a competir, nesse sentido e enquanto membros temos a oportunidade de experienciar um ambiente de trabalho muito semelhante ao de empresas.

O envolvimento das próprias como patrocinadoras do projeto permite o contacto direto entre entidades empregadoras e futuros profissionais, tal como potencializa a transmissão de conhecimento entre as duas partes

Para além disso, pertencer a esta equipa representa uma oportunidade para apurar qualidades como o raciocínio crítico, praticidade na tomada de decisões e sentido de compromisso.

Já dizia Matt Brown

“Why?
Because race car. That’s why.”

Formula Student

Formula Student é uma competição de engenharia existente há já 20 anos que ambiciona fornecer aos estudantes do ramo experiência do mundo real.

As primeiras competições foram organizadas no início dos anos 80 pela American Society of Automotive Engineers (SAE). No entanto, foi apenas em 1998 que uma competição baseada no mesmo regulamento tomou lugar na Europa. 

Atualmente, o projeto é reconhecido pela indústria do motorsport como um dos critérios a   cumprir por pré-graduados em engenharia que pretendam transitar da universidade para o mercado de trabalho.

Cada ano, mais de 170 equipas constroem um carro de corrida e correspondente plano de vendas partindo sempre do pressuposto de que são parte de uma empresa responsável por desenvolver um protótipo que cumpra as exigências do mercado alvo e possa ser comercializado a um custo justificável. O produto será depois avaliado numa série de testes estáticos e dinâmicos.

Provas dinâmicas    Provas Estáticas